Brasil concorre ao Emmy com “Malhação: Viva a Diferença”

Há algumas semanas listei neste espaço os Emmys que o Brasil já perdeu este ano e os que ainda pode ganhar: Brasil perde dois Emmys, mas segue indicado em outras categorias. Agora, a novidade é que surgiram novas possibilidades de vitória para a televisão brasileira.

Saiu a lista dos indicados ao Emmy Kids 2018. Os vencedores serão conhecidos em cerimônia em Cannes, na França, em abril de 2019. Concorrem produções de 13 países, dentre eles, o nosso Brasil, que chega com três candidatos ao troféu.

Da Rede Globo, “Malhação — Viva a Diferença“, pela categoria séries, e “The Voice Kids (2ª temporada)”, por programa de entretenimento não roteirizado.

“Viva a Diferença” é considerado por muitos a melhor temporada de Malhação, que teve a primeira protagonista japonesa e também a primeira bissexual. O roteiro é de Cao Hamburguer, a mente por trás de “Castelo Rá-Tim-Bum”.

Já o segundo ano do “The Voice” ficado nas crianças teve a estréia de André Marques e Thalita Rebouças na apresentação. Além disto, o cantor Victor (da dupla com Léo) foi afastado do programa no meio da temporada em meio a acusações de sua esposa de suposta violência doméstica.

Por fim, “A Grande Viagem“, da TV Brasil, concorre na categoria minissérie. A trama conta a história de Lipe (Léo Palhano), um menino de 10 anos e de Vovô Mário (Umberto Magnani, em seu último trabalho), ex-vendedor porta-em-porta de guias de viagem. Mário está começando a apresentar sintomas do Mal de Alzheimer, confunde passado e presente e se esquece, às vezes, de situações e até pessoas. “A Grande Viagem – a série” foi criada e dirigida por Caroline Fioratti. Produzido pela Aurora Filmes e coproduzido pela Haikai Filmes,são 13 episódios de 26 minutos.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

Sobre o autor

David Denis Lobão